Feeds:
Posts
Comentários

Archive for novembro \19\UTC 2009

Harc Lee, que trabalha como designer, projetou uma embalagem de refrigerante que não utiliza tinta na sua fabricação. O rótulo é feito no próprio alumínio, em relevo. A embalagem fica bem diferente, o que pode ser um atraente para os consumidores.
Além disso, esta técnica diminuirá gastos com energia, tintas e outros produtos que são que utilizados na fabricação das atuais latinhas, ajudando também na reciclagem.
Sem dúvida um avanço na luta pelo preservação ambiental.

O produto ainda está em fase de desenvolvimento. Aqui tem o site para maiores informações.

Nota do PREA: a ideia é realmente excelente. E olha que relevo seco já existem a anos… Agora temos uma dúvida: e quanto as informações obrigatórias do rótulo? Peso, composição do produto, etc.? Um caso a se pensar ainda! Torceremos aqui pra ver essas latinhas o mais rápido no mercado, ainda mais aqui em Recife, onde as latinhas são em ferro.

fonte: eco4planet

Anúncios

Read Full Post »

Uma super dica enviada por Júlia Asche, uma possível 🙂

Laptop feito (em partes) com papelão!


O material envolve o “recheio” de componentes eletrônicos, assim como em câmeras e celulares descartáveis existentes.
O produto é apenas conceitual.

Nota: realmente precisa de muito estudo antes de lançar um produto assim. Imagina se o papelão só durar 1 mês? Vai ficar trocando sempre? E a mão-de-obra? Tempo pra troca?

Read Full Post »

Uma aluna da UNESC – Centro Universitário do Espírito Santo, Serra – deixou o seguinte recado por email:

“Seguinte, estudo na UNESC da Serra e sábado tive aula.
Lá no fim do estacionamento, na parte de terra existem três filhotes e uma mamãe. Os filhotes são duas fêmeas, uma branca e preta e uma toda pretinha. O machinho é todo preto e a mamãe é caramelo. Fiz meu namorado trazer ração e um balde para colocar água para eles. Estavam famintos! Juro que em menos de cinco minutos aproximadamente uma sacola cheia de ração foi devorada.
Eles aparentam estar com vermes também, pois apesar de magrelos a barriguinha deles está enorme.
A mamãe é a mais debilitada, ela não levantou em nenhum momento enquanto estive lá, mas não posso afirmar que ela não ande também.
É isso, se alguém puder ajudar será ótimo. Eles são umas fofurinhas.
Bjos”

Bom, isso é pra galera do Espírito Santo. Quem puder ajudar, nós (e eles, claro) agradecemos.

Read Full Post »

A Suécia é o primeiro país a incluir dados ecológicos em rótulos de produtos nos supermercados. Batizada de pegada ecológica, a indicação será a quantidade de dióxido de carbono que foi emitido desde a fabricação de tal item até sua chegada às prateleiras. Com isso, a expectativa é que a emissão de CO2 possa cair até 50% com a nova medida.

fonte: vista-se

Read Full Post »

Lester_Brown

Lester Brown, com o apoio do Bradesco, lançou a versão brasileira Plano B 4.0 – Mobilização para salvar a civilização, que será distribuída em universidades, bibliotecas, centros de estudos, ONG’s. E melhor: quem quiser, é só baixar de graça direto do site 😀

Lester Brown propõe estratégias coletivas de mudança, baseadas em três principais estratégias:

– estabilizar o clima e a população;
– erradicar a pobreza;
– restaurar os suportes naturais da natureza, como água, solo e ar.

Ele aconselha: “Se quer fazer alguma coisa, além de transformar seus próprios hábitos, engaje-se! A participação cívica, pressionando os governantes e legisladores, é urgente. Os tomadores de decisão devem ser conscientizados, não há tempo para educarmos somente as crianças e esperarmos uma década para que elas estejam no comando”.

Quer saber mais sobre assunstos relacionados? Entre no Ecoblogs!

fonte: akatu

Read Full Post »

A Fundação Mamíferos Aquáticos (FMA) tem como missão promover a conservação dos mamíferos aquáticos e seus habitats, visando o equilíbrio ambiental.

post-fma

Desde sua criação, em 1989, a Fundação compartilha capacidades, bens e recursos, visando o desenvolvimento de uma estratégia conservacionista em prol dos mamíferos aquáticos e seus habitats. A entidade ainda incentiva a pesquisa científica, capacita profissionais, conscientiza e mobiliza as populações para a causa ambiental e gera emprego e desenvolvimento de propostas que contribuam para o desenvolvimento social das comunidades onde os projetos de conservação atuam.
As áreas de atuação podem ser divididas em:

a) contribuição para a formulação da política nacional para a conservação dos mamíferos aquáticos;
b) captação de recursos financeiros para apoio ao desenvolvimento dos projetos de conservação, pesquisa e manejo de mamíferos aquáticos, e desenvolvimento social;
c) capacitação de profissionais voluntários nas áreas de biologia, oceanografia, veterinária, pedagogia e outras;
d) apoio à pesquisa científica e sistematização da informação sobre mamíferos aquáticos para a sociedade;
e) conscientização e mobilização da população para a causa ambiental;
f) geração de empregos e desenvolvimento de propostas que contribuam para o desenvolvimento social das comunidades onde os projetos de conservação atuam.

Os principais projetos executados em co-gestão são:
– Projeto Peixe-Boi Marinho
– Projeto Peixe-Boi Amazônico
– Rede de Encalhe de Mamíferos Aquáticos no Nordeste (REMANE)
– Projeto Eco-Parque Peixe-Boi & Cia
– Serviço de Informação Ambiental
– Estágio voluntário


PROJETO ECO-OFICINA PEIXE-BOI & CIA

Projeto de forte cunho socioambiental, a Eco-Oficina Peixe-Boi & Cia. gera emprego e renda para a comunidade da Barra do Rio Mamanguape (PB), promovendo o desenvolvimento local. É também uma importante fonte de recursos para as ações de proteção dos mamíferos aquáticos, especialmente os peixes-bois.

O trabalho trata-se de uma oficina de produção de bonecos de pelúcia alusivos ao peixe-boi marinho, peixe-boi amazônico e, mais recentemente, está sendo produzido o boneco da baleia franca. Esses bonecos possuem distribuição nacional, contribuindo para a divulgação das questões conservacionistas relacionadas a estas espécies.

A miniconfecção, localizada em uma pequena comunidade de aproximadamente 200 habitantes do litoral da Paraíba, conta com colaboradoras locais para a produção dos bonecos e contribui para a mitigação de um problema social na região: a evasão de jovens mulheres, que, devido às raras oportunidades econômicas locais, procuram melhores ofertas em centros maiores.

São confeccionados, além das pelúcias do peixe-boi marinho e amazônico (nas cores preta, rosa e cinza), estojos, chaveiros, e peixe-boi coração (que é um peixe-boi segurando um coraçãozinho). As pelúcias possuem os tamanho PP, P, M, G e GG, nas 3 cores citadas anteriormente.

Em breve postarei imagens dos outros produtos, tais como caneca e camisas 🙂

Mas por enquanto, se tiver interesse nos produtos que citei acima, é só mandar um email para ecooficina@mamiferosquaticos.org.br, loja@mamiferosaquaticos.org.br, ialdo@mamiferosaquaticos.org.br, ou ligar para 81 3304.1443 e fazer a encomenda. São ótimos presentes para este fim de ano, tanto para namorada, mãe, amigos, como para brindes de empresas, agências e afins 😉
Quem tiver alguma dúvida sobre a Fundação, ou quiser conversar sobre parcerias, projetos e outros, mande email para veronica@mamiferosaquaticos.org.br.

Read Full Post »